R$95,00

20% OFF comprando 3 ou mais!

Válido para este produto e todos da categoria: Pôster.
Nesta promoção você pode combinar este produto com outros da mesma categoria.

3x de R$31,67 sem juros 5% de desconto pagando com PIX Ver mais detalhes

Poster “Obaluayê e seu cachorro”

Quando Omolu era um menino de uns doze anos, saiu de casa e foi para o mundo para fazer a vida. De cidade em cidade, de vila em vila, ele ia oferecendo seus serviços, procurando emprego. Mas Omolu não conseguia nada. Ninguém lhe dava o que fazer, ninguém o empregava, e ele teve que pedir esmola. Tinha um cachorro que o acompanhava. Omolu e seu cachorro retiraram-se no mato e foram viver com as cobras. Omolu comia o que a mata dava: frutas, folhas e raízes. Mas os espinhos da floresta feriam o menino. As picadas de mosquitos cobriam-lhe o corpo. Omolu ficou coberto de chagas. Só o cachorro confortava Omolu, lambendo-lhe as feridas. Um dia, quando dormia, Omolu escutou uma voz: “-Estás pronto. Levanta e vai cuidar do povo.” Omolu viu que todas as feridas estavam cicatrizadas. Não tinha dores nem febre. Omolu juntou as cabacinhas, os atos, onde guardava água e remédios que aprendera a usar com a floresta, agradeceu a Olorum e partiu. Naquele tempo uma peste infestava a Terra. Por todo lado estava morrendo gente, todas as aldeias enterravam seus mortos. Os pais de Omolu foram ao babalaô e ele disse que Omolu estava vivo e que ele traria a cura para a peste. Todo lugar aonde chegava, a fama precedia Omolu. Todos esperavam-no com festa, pois ele curava. Os que antes lhe negaram até mesmo água de beber agora imploravam por sua cura. Ele curava a todos, afastava a peste. Então dizia que se protegessem, levando na mão uma folha de dracena, o peregum, e pintando a cabeça com efum, ossum e waji, os pós branco, vermelho e azul usados nos rituais e encantamentos. Curava os doentes e com o xaxará varria a peste para fora da casa, para que a praga não pegasse outras pessoas da família. Limpava as casas e aldeias com a mágica vassoura de fibras de coqueiro, seu instrumento de cura, seu símbolo, seu cetro, o xaxará.
Quando chegou em casa, Omolu curou os pais e todos estavam felizes. Todos cantavam e louvavam o curandeiro e todos o chamaram de Obaluayê, todos davam vivas ao Senhor da Terra, Obaluayê.
 
Texto: R. Prandi
 

Dimensões:

Tamanho A3 (29,7x42cm)

Tamanho A4 (21x29,7cm)
 

Impresso em couchê fosco 170g ou similar.

Não acompanha moldura.

Envio em tubo de papelão.

 

*Imagem meramente Ilustrativa

Frete Grátis

A modalidade de envio dos itens com frete grátis será através do envio econômico Impresso dos Correios com limitação de peso de 500g, E o qual possui rastreamento limitado.

Envios

Após confirmação de pagamento do pedido, o tempo de produção e postagem nos correios é de 7 dias úteis para Pôster e Caneca, e de 15 dias úteis para Planner e Cadernos. Prevalecendo o tempo de maior duração entre os produtos.

Cartão Presente

Se deseja acrescentar um cartão presente na sua encomenda, por favor informar nas observações o nome do remetente e do destinatário. Lembrando que o cartão é pequeno, logo aconselho consideradas mensagens curtas, agradecemos a compreensão.